Pesquise por hashtags, nomes, e assuntos Pesquisar

A vacina chegou, a escola voltou, mas a pandemia ainda não acabou

Todo cuidado é pouco e devemos ter atenção redobrada no retorno às aulas presenciais.

Demoramos tanto para conseguir essa vitória que não dá pra marcar bobeira.

 

Apesar do ambiente escolar ter um baixo risco de contaminação se seguido todos os protocolos recomendados pelo ministério da educação e saúde, ainda assim, instruir nossos filhos sobre o correto uso dos equipamentos de segurança e hábitos de higiene coletiva é nosso dever.

 

Usar objetos facilitadores para a manutenção da higiene é de grande ajuda, principalmente quando falamos de crianças pequenas.

 

Separamos alguns itens e dicas que agora farão parte do dia a dia escolar da maioria dos estudantes brasileiros.

 

1 – Use a máscara corretamente

Lembre-se sempre de trocar a máscara em períodos de 2 em 2 horas. Ter uma bolsinha para guardar e separar as máscaras limpas das sujas é de grande ajuda para deixar tudo no seu devido lugar.

Porta máscara

 

2 – Identifique a máscara com etiquetas que não saem na lavagem.

Lembre-se: a máscara é de uso individual. Identifique as máscaras da família para não confundir ou trocar.

etiquetas para máscaras

 

3 – Álcool em gel sempre à mão.

Se não for possível lavar as mãos, use o álcool em gel sempre que possível. Tenha seu próprio recipiente identificado.

 

4 – Identifique todos os itens do material escolar.

Aquela frase “minha mãe não deixa emprestar” nunca fez tanto sentido. Heheheh.

Brincadeirinhas à parte, evite emprestar canetas e outros materiais para os colegas para que não haja contaminação. Identificando o material escolar, fica mais fácil saber quem é de quem e fazer essa separação

 

5 – Evite abraços e cumprimentos

Sei que é difícil conter a emoção ao rever os amigos depois de um ano longe, mas vamos manter os abraços longe por mais um tempo, ok?

 

Com essas dicas logo, logo voltaremos a nos abraçar!

 

Lembre-se: os cuidados devem vir de casa e da comunidade local para que possamos manter as escolas abertas e as crianças onde elas devem estar: estudando.

 

Gostou das dicas?

Um super beijo,

Fabee

Fala pra gente o que achou

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *